Quem somos

Quem é a jovem para Santa Vicenta Maria?

Um projeto de amor de Deus, um projeto que Jesus fez seu, dando tudo por ela.
Assim amou Vicenta Maria as jovens. Hoje, as que continuamos sua obra queremos amá-las e acolhe-las como ela o fez e expressar esse amor na simplicidade, no serviço e na amizade.

Identidade:

Nós Religiosas de Maria Imaculada, segundo a iniciativa de nossa fundadora SANTA VICENTA

MARIA LOPEZ Y VICUÑA pretendemos:

ACOLHER ACOMPANHAR e ORIENTAR As jovens que se preparam para o trabalho ou vivem dele, proporcionando-lhes meios para seguir o caminho de LIBERTAÇÃO EM JESUS CRISTO. A Residência é um lugar de acolhida, um serviço para incentivar o crescimento integral da jovem, baseado numa concepção cristã da mulher e do homem à luz do Evangelho.

Linhas de ação: A ação formativa da RESIDÊNCIA MARIA IMACULADA é dinâmica e compreende:

Dimensão pessoal: Pretende fomentar a liberdade responsável, o desenvolvimento das atitudes pessoais e a criatividade. Propõe atividades que proporcionam uma formação complementar.
Realizam-se com a colaboração de todas e são um meio de participação na RESIDÊNCIA. Hão de cumprir seu objetivo nos diferentes aspectos: culturais, de convivência e religiosos.

Dimensão social: O espírito que anima a RESIDÊNCIA é comunitário. Na convivência compartilha-se tudo o que cada uma é e possui.
Incentiva-se a mútua comunicação para fazer da RESIDÊNCIA um lugar de encontro, de presença, de serviço permanente.

Dimensão religiosa: Oferece um ambiente que permita vivenciar e assumir os valores do evangelho.
Possibilita meios para descobrir, eleger e viver a realidade de ser filhas de Deus, salvas por Jesus Cristo. Estimula o cumprimento dos compromissos cristãos.

A RESIDÊNCIA espera da jovem: Uma atitude de sinceridade, alegria e carinho, para formar e experimentar a união e a fraternidade. Vontade de crescer em todos os aspectos: pessoal, social e religioso.
Desejo de integração, colaboração nas atividades organizadas. Interesse mútuo e grande espírito de serviço. Responsabilidade pessoal.

NORMAS: A harmonia e bem estar próprios de toda Comunidade, exige: como em todo grupo humano respeito da liberdade dos outros, e uns horários para momentos fortes de convivência.

Para solicitar vaga na RESIDÊNCIA estes dois itens devem ser aceitos com voluntária alegria, assim como os ideais e estilo de vida da mesma, caso contrario a convivência seria um incômodo e ao mesmo tempo um empecilho para a admissão.

I. ÓRGÃOS DE PARTICIPAÇÃO

A realização de uma tarefa comum como é a RESIDÊNCIA, exige uma autoridade colocada a serviço das pessoas. Este serviço se expressa através da:

DIREÇÃO: Assume a responsabilidade das atividades e funcionamento da RESIDÊNCIA.

Funções:
  • Zelar pelos fins da RESIDÊNCIA e os meios que a eles conduzem.
  • Convocar e presidir quantas reuniões se celebrarem.
  • A admissão e desligamento das residentes.

CONSELHO DE DIREÇÃO: Composto pela: Superiora Diretora da RESIDÊNCIA. Duas ou três representantes de andar. Outras irmãs de acordo com a sua função.

II. ESTUDO: Constitui uma das principais atividades dentro da vida da RESIDÊNCIA. Todas as residentes colaboram ativa e responsavelmente para criar e manter um ambiente de estudo, do qual todas possam beneficiar-se.

III. A CONVIVÊNCIA: é objetivo fundamental da RESIDÊNCIA

Requer:
  • Atitude de acolhida para com todas, manifestada no serviço e ajuda Mútua.
  • Respeito à privacidade no descanso e estudo.
  • Abertura e sinceridade com todas e disponibilidade para o diálogo.
  • Ser portadora de paz, alegria, carinho, solidariedade, amizade.
  • Interesse e participação efetiva, colaborando na organização das atividades culturais, recreativas e religiosas que se realizem.

Exclui:

O individualismo, a falta de atenção e respeito para com as religiosas, colegas e funcionários.